COMUNICADO DO CLUBE DO CANÁRIO ARLEQUIM PORTUGUÊS

 

 

Vem a Direcção do CCAP informar os seus associados em particular, e todos os criadores do Canário Arlequim Português em geral, que as propostas de alterações ao Standard do Canário Arlequim Português que tiveram o aval dos criadores, no Simpósio realizado no passado dia 20 de Maio, na Figueira da Foz, e posteriormente aprovadas pelas Comissões Técnicas do CNJ-Colégio Nacional de Juízes, da FONP e pelo CTJ-Colégio Técnico de Juízes, da FOP, foram hoje, dia 29 de Setembro, totalmente aprovadas na Reunião de Experts da OMJ/COM, realizada na Cervia, Itália.

 

Congratulamo-nos com a decisão, que é uma vitória dos criadores do Canário Arlequim Português, que assim tornam realidade o sonho do Prof. Dr. Armando Moreno.

As alterações são as seguintes:

 

Posição/Movimento – Posição erguida (60º) e altiva. Corpo bem elevado e cabeça levantada. Ave alegre com movimento ágil.

Passará futuramente a valer 15 pontos em vez dos actuais 10 pontos

 

Cor – Equilibradamente Variegada (melanina/lipocrómo) com presença de lipocrómo vermelho branco giz, tendo o vermelho vivo nas zonas características do factor mosaico. O dimorfismo sexual resultante caracteriza-se por uma extensão superior de lipocrómo vermelho nos machos em relação às fêmeas.

Coloração artificial obrigatória.

15 Pontos.

 

Este texto além da introdução da obrigatoriedade do mosaico nas aves abre, automaticamente, a criação a nível internacional da classe das fêmeas.

Patas e cauda – Fortes, longas e ligeiramente flectidas, preferencialmente variegadas. Coxas bem visíveis.

Longa, estreita e ligeiramente bifurcada na extremidade, preferencialmente variegada.

Passará futuramente a valer 5 pontos em vez dos actuais 10

 

Pensamos que estas alterações entrarão, em princípio, em vigor em 2020.

 

Parabéns a todos!

 

A DIRECÇÂO

 

40º Aniversário da fundação da Associação Ornitológica de Guimarães

 

18 -03 - 2018

 

Realizou-se no passado dia 17 de Março de 2018 a comemoração dos 40 anos da fundação da Associação Ornitológica de Guimarães.

Num jantar realizado na cidade de Guimarães que contou com a presença um numero significativo de sócios desta colectividade.

A FONP fez-se representar com a presença do seu presidente Carlo Ramôa e por dois outros membros da direcção..

Durante o jantar foram homenageados os membros fundadores da Associação.

Vejam a reportagem fotográfica

FONP - Federação Ornitológica Nacional Portuguesa

 

Rua Manuel da Silva Ferreira e Sá, 154

 

 4570-012 Balasar

 

 fonp@hotmail.com